o amuleto de sarmarcanda

– Sou Bartimaeus. Sou Sakhr al-Jinni, N’gorso, o Poderoso e a Serpente das Plumas de Praga. Reconstruí as muralhas de Uruk, Karnak e Praga. Falei com Salomão. Corri juntamente com os búfalos ancestrais das planícies. Estive de guarda ao Velho Zimbabué até as pedras caírem e os chacais se alimentarem da sua gente. Sou Bartimaeus. Não reconheço qualquer amo. Por isso, sou eu quem te dá ordens, rapaz. Quem és tu para me chamares?

Jonathan Stroud, O Amuleto de Sarmarcanda
título original: The Amulet of Samarkand
tradução: Maria Georgina Segurado
Editorial Presença, Colecção Via Láctea(n.18), Lisboa, Abr. 2004
isbn: 972-23-3173-6
citação: página 15
0 respostas

deixar uma resposta

deseja juntar-se à discussão?
esteja à vontade para contribuir!

deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.