prémio dardos

Um visitante (O Indiscreto) regular entendeu ser este meu cantinho merecedor do “Prémio Dardos”:

prémio dardos

Com o Prémio Dardos se reconhecem os valores que cada “blogueiro” emprega ao transmitir valores culturais, éticos, literários, pessoais, etc. que, em suma, demonstram sua criatividade através do pensamento vivo que está e permanece intacto entre suas letras, entre suas palavras. Esses selos foram criados com a intenção de promover a confraternização entre os “blogueiros”, uma forma de demonstrar carinho e reconhecimento por um trabalho que agregue valor à Web.
Quem recebe o “Prémio Dardos” e o aceita deve seguir algumas regras:
1. Exibir a distinta imagem;
2. Linkar o blog pelo qual recebeu o prémio;
3. Escolher outros blogs a quem entregar o “Prémio Dardos”.

Apesar de construir este blog mais virado para o meu umbigo, que não sendo necessariamente um lindo umbigo, convenhamos que é, contudo, o meu umbigo, fiquei bastante satisfeito, comovido até pela distinção de M.F., antigo lutador galáctico, agora reformado.
Agora já devo reflectir sobre as minhas visitas e pedir dois visitantes, para ultrapassar o problema:

Will: I read your book last night.
Sean: So you’re the one.

E para cumprir o articulado do “Prémio Dardos” aponto as minhas leituras “obrigatórias” sem qualquer ordem de preferência:
Do Portugal Profundo
O Jumento
Pobo do Norte

1 responder
  1. M.F.
    M.F. says:

    A minha votação podia ter recaído no Porta VIII por amizade ou por parceria que sempre houve da parte deste blog na divulgação do Indiscreto. Mas não tem a ver com isso. É o blog mais completo que conheço. Fala sobre variadíssimos temas, tem uma estrutura fantástica, quase profissional, e é sobre aquilo que nos move aqui e ali. Fotografia, cinema, música… o que for. É sobre a vida. Virado para um umbigo que muitas vezes podia ser o meu próprio. Continua… não tenho o valor de um José Nunes, mas para mim este é um blog OBRIGATÓRIO.

    Responder

deixar uma resposta

deseja juntar-se à discussão?
esteja à vontade para contribuir!

deixar uma resposta