como foi possível?

13 Out
13.10.2010

Como é que eu consegui crescer sem traumas sem um ovo Kinder oferecido pelo meu pai à saída da escola? Como consegui ultrapassar a puberdade sem o creme Clearasil? Como sobrevivi à entrada na vida adulta sem o Facebook, o Twitter, o Hi5, o Myspace? sem a rede 3G? sem o verbo “coisa” ou o verbo “tipo”?

Como foi possível? Ou vivo numa inocente ilusão e não tive uma doce e equilibrada infância, uma utópica adolescência, uma ultrapassagem tumultuosamente anárquica para os 18 anos?

Será por causa disso que sou obsessivamente metódico, que adoro banda desenhada, que mato sucessivamente nos meus contos personagens anónimas sem qualquer espécie de remorso? Será por esse engano do pensamento que planeio a médio/longo prazo? que optei por casar e não “me juntar”, que assumi ser duplamente pai? Será?

Tenho uma certeza. Continuo obcecado pela imagem daquele ovo Kinder exibido num spot publicitário. Vou refastelar-me emocionalmente com um ou dois por via das dúvidas.

Tags: , , , , , , , ,
0 replies

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

deixar uma resposta

© 1999.2018 porta VIII. todos os direitos reservados. alimentado pelo wordpress | alojamento por oitava esfera
%d bloggers like this: