29 de abril de 2011

29 Abr
29.04.2011

ainda com 210 anos, maravilhas da biotecnologia – sou mais máquina do que verdadeiro tecido humano – recordo sem dificuldade o dia 29 de abril de 2011 (o implante cibernético que grava agora a nossa vida recuperou sem problemas as recordações até ao primeiro momento de consciência in utero. onde estavas tu a 29 de abril de 2011? é uma das perguntas dos meus trisnetos sempre que me visitam nos retrógados festejos de anos. respondo, sempre perante os olhares incrédulos, que estava, entre outras coisas, a ver umas fotografias da última ceia dos condenados à morte: last suppers

não entendo como podem esperar outra resposta – continuamente. que acontecimento importante ocorreu a 29 de abril de 2011? muitas mortes. muitos nascimentos. muitas juras de amor. muitos casamentos. muitos funerais. muitos… só se esperam que lhes fale de um casamento real que em tons de fada embruteceu milhões de pessoas “até que a realidade os absorva novamente e se mentalizem, mais uma vez, que o benfica, não ganhará o campeonato de futebol, que os fritos ainda fazem mal, que o iva ainda vai subir mais, que o pato donald ainda não casou com a margarida, que ainda não foi descoberta a velocidade da escuridão, que a gasolina continua cara, que clicar rapidamente no botão de chamada do elevador não o faz chegar mais rápido, que os juros não descem, que o super-homem é na verdade um herói de collants, que continuará a existir anedotas sobre loiras.

etiquetas: , , , , , , , , , ,
0 respostas

deixar uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

© 1999.2020 porta VIII. todos os direitos reservados. alimentado pelo wordpress | alojamento por oitava esfera
beam me up, scotty!