Archive for month: Maio, 2016

a bastarda de istambul de elif shafak

29 Mai
29.05.2016

– Tens um lado tão escuro, Asya. – A voz do Cartoonista Dipsomaníaco pareceu muito distante. – Como não surge no teu rosto doce, é difícil percebê-lo à primeira vista. Mas está lá. Tem um potencial inesgotável para a destruição.

página 157, 1ª edição, 01.2015, Jacarandá

Angustiante, místico.
Elif Shafak oferece uma história de cortar o coração, cativante e assombrosamente bela. Personagens maravilhosas.

Uma escritora a temer.

black scat review #15 – more utter nonsense

26 Mai
26.05.2016

BLACK SCAT REVIEW # 15  – More Utter Nonsense foi publicada. Tem uma história minha e dois desenhos (rabiscos).

Stick your fingers in this pie and discover words and pictures by an international web of contributors: Edward Ahern, Paulo Brito, Giada Cattaneo, Norman Conquest, Charles Cros, Falconhead, Farewell Debut, Jkaki M.S. Landgrebe, Michael Leigh, Jason E. Rolfe, Mercie Pedro e Silva, Doug Skinner, and Carla M. Wilson.

This full color, perfect-bound paperback is packed with 78 pages of 100% pure, unadulterated utter nonsense as you’ve never seen before.

Mais informações podem e devem ser obtidas aqui.

horoscrapes

16 Mai
16.05.2016

I just finished reading Horoscrapes by Doug Skinner, published by Black Scat Books. So I am wondering…
2016=2+0+1+6=9

gato morto

a cat

… and a cat has nine lives, just saying.

a metro

15 Mai
15.05.2016

Nunca comprei livros a metro para decorar as estantes por isso não me choca ter uma prateleira assim – sem desenhos completos nas lombadas.

Lá por uma colecção ter um desenho não me força a comprar livros que não quero, nem me incomoda não os ter.

bewildering beasties

15 Mai
15.05.2016

Natureza morta do livro Bewildering Beasties by Derek Pell.

leituras

14 Mai
14.05.2016

Não escrevo sobre todos os livro que vou lendo. Motivos?

    1. esquecimento
    2. nada a dizer porque não gostei
    3. nada a dizer apesar de ter gostado
    4. e principalmente porque não me apetece

Exemplos:

  • Southern Bastards #1 – Jason Aaron e Jason Latour (gostei)
  • Odd John – Olaf Stapledon (não gostei. não terminei)
  • O Último Europeu – Miguel Real (não gostei. não terminei)
  • Tales of the Wold Newton Universe – Philip José Farmer (gostei)
  • Uma Conspiração de Estúpidos – John Kennedy Toole (enfim!)
  • Almanaque do Dr. Thackery T. Lambshead de Doenças Excêntricas e Desacreditadas – Vários (não gostei. não terminei)
  • O Cemitério de Praga – Umberto Eco (não gostei. não terminei)
  • O Oceano no Fim do Caminho – Neil Gaiman (gostei)
  • O Fogo – Katherine Neville (não gostei. não terminei)
  • A Dance With Dragons – George R. R. Martin (cansei-me. não terminei)
  • Álbum Negro – Hanif Kureishi (gostei)
  • The Skull Throne (Demon Cycle, #4)- Peter V. Brett (gostei)
  • O Caso Jane Eyre – Jasper Fforde (gostei)
  • Perdida Num Bom Livro – Jasper Fforde (gostei)

entre muitos outros…

Talvez comece, apenas, a fazer uma lista mensal: ou talvez não!

colecção admiráveis mundos da ficção científica

14 Mai
14.05.2016

O jornal Público lançou, conjuntamente com a Saída de Emergência, uma colecção de vários livros de ficção científica. Os livros tiveram um preço muito simpático e como tal decidi adquirir a colecção para reler uns e descobrir outros tantos.

  • Duna – parte 1 – Frank Herbert
  • Duna – parte 2 – Frank Herbert
  • As Primeiras Quinze Vidas de Harry August – Claire North
  • Forças do Mercado – Richard Morgan
  • O Prestígio – Christopher Priest
  • À Boleia Pela Galáxia – Douglas Adams

Reli Duna e continuo a não gostar por aí além da história. Não me atrai, falta-lhe alguma coisa. Demorei, mais de uma semana a terminar a sua leitura. Agora, entre outras leituras, estou a ler a sua continuação e pode ser que mude de ideias.
As Primeiras Quinze Vidas de Harry August é simplesmente genial. Apesar de ter a edição em inglês da obra decide ler a edição portuguesa e não fiquei nada desiludido. Uma história assombrosa. Impressionante. Um conceito de viagens no tempo original.
Forças do Mercado é uma leitura cheia de adrenalina e compulsiva. Richard Morgan não me tem desiludido.
O Prestígio foi primeiro visto e depois lido (hoje) e revela ser um must. Excelente história.
À Boleia Pela Galáxia é pura diversão e nonsense à fartura. Relido sem sobressaltos.

verdadeiro amor

09 Mai
9.05.2016

A ideia de que o verdadeiro amor está ali, à nossa espera em estado latente, ao virar da esquina é uma ideia perversa. Não se iludam pelo que é dito em sonetos, quadras e outros escritos poéticos, porque o amor não se guarda no coração. O amor fica encarcerado no fígado. O único órgão capaz de processar qualquer quantidade de bílis amorosa.

bewildering beasties by derek pell

06 Mai
6.05.2016

Bewildering Beasties by Derek Pell is a book more than fun.
Discovering so many mythological creatures, but more than real, it was a dream come true.

Derek Pell never let me down!

© 1999.2018 porta VIII. todos os direitos reservados. alimentado pelo wordpress | alojamento por oitava esfera