Perguntou-me por que razão eu sabia que aquele encontro era o último. «Sei, porque nos filmes», disse-lhe, «quando chove tanto é porque alguém está a ir-se embora para sempre.»
O Inverno em Lisboa de Antonio Muñoz Molina (página 49)

0 respostas

Deixar uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.