o reino unido e brexit

12 Dez
12.12.2018

Em Agosto de 1961, o primeiro-ministro britânico solicitou o início das negociações para a entrada do Reino Unido na CEE. Depois de várias tentativas, o líder francês, Charles de Gaulle, decidido a construir o que chamava uma “Europa das pátrias” que se tornasse independente das duas superpotências que protagonizavam a “guerra fria” e receoso da estreita vinculação britânica a Washington, vetou, em 1963, a entrada britânica na CEE. Quando, em 1967, o governo trabalhista de Harold Wilson tornou a solicitar a entrada na CEE, o general francês voltou a vetar a adesão do Reino Unido.

Após a saída de De Gaulle em 1969 houve a adesão britânica. Vencendo a oposição de sectores importantes da opinião pública britânica, contrários à adesão à CEE e claramente “anti-europeus”, finalmente em 1972 as negociações foram bem-sucedidas.

Brexit acaba por linhas tortas ou direitas colocar as coisas nos eixos.

imagem extraída do site Cartoon Movement

Brexit Strategy de Tjeerd Royaards

Tags: ,
1 resposta
  1. paulo brito says:

    Devia-se fazer um referendo nos restantes países europeus a perguntar de desejam que o UK regresse.

    Responder

deixar uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

© 1999.2019 porta VIII. todos os direitos reservados. alimentado pelo wordpress | alojamento por oitava esfera