stephen king

31 Jul
31.07.2019

Pequena biografia extraída do livro Cell.

Romancista norte-americano, Stephen King nasceu em 1947 em Portland, no Maine. Deu início aos seus estudos secundários na Lisbon Falls High School, onde começou a escrever contos, ao mesmo tempo que fazia parte de um grupo amador de rock. No ano de 1960, Stephen King submeteu o seu primeiro manuscrito para publicação, o qual seria rejeitado. Entretanto, editava o jornal do liceu, The Drum, e escrevia para o jornal local, o Lisbon Weekly Enterprise. Publicou o seu primeiro conto, In a Half-World of Terror, num fanzine de terror.
Em 1970, licenciou-se pela Universidade do Maine e, de 1971 a 1974, Stephen King deu aulas numa escola secundária, até ter publicado o seu primeiro romance, Carrie (1974), a história de uma rapariga com poderes telecinéticos. Atirou as primeiras páginas do trabalho ao lixo, mas foram resgatadas pela esposa, que o encorajou a continuar. A obra não teve senão um sucesso modesto, mas, depois da sua adaptação ao cinema e com a publicação do romance A Hora do Vampiro (1976), Stephen King conseguiu afirmar-se como um importante escritor.

Wook

etiquetas: , ,
29 respostas

trackbacks & pingbacks

  1. […] Bill Hodges e Holly Gibney andavam umas vezes perdidas e outras vezes achadas – zzzzzz! Stephen King não me […]

  2. […] e Achado de Stephen King não tendo o poder narrativo de Sr. Mercedes é uma leitura delirante, coesa e irritante, no […]

  3. […] de uma escrita de alto impacto, sombria e perturbadora,por vezes emocionante e sangrenta, Stephen King transmite sem dificuldade o sentimento de medo […]

  4. […] os meus registos em tom obsessivo das referências descobertas por mim no livro Sr. Mercedes de Stephen King. Deixei passar outras porque não tinha o telemóvel à mão para tirar foto da […]

  5. […] Continuam os meus registos em tom obsessivo das referências descobertas por mim no livro Mr. Mercedes de Stephen King. […]

  6. […] Pode ser ou é outra referência à cultura popular no livro Mr. Mercedes de Stephen King. […]

  7. […] ao filme IT e que se baseia no livro homónimo de Stephen King escrito em […]

  8. […] Referência ao Plymouth Fury 1958 do filme “Christine” realizado por John Carpenter e que se baseia no livro do mesmo nome de Stephen King. […]

  9. […] peguei no primeiro volume “A Coisa” de Stephen King que estou a ler pausadamente em casa. O livro é pesado e grande para andar com ele. Para isso […]

  10. […] Despertar de Stephen King […]

  11. […] Canção de Susannah de Stephen King (livro 6 – Torre […]

  12. […] Elevation de Stephen King […]

  13. […] Adormecidas de Stephen King e Owen […]

  14. […] se encontram, nesta colectânea, “Boleia Arriscada, 14 contos” de Stephen King, contos em nada […]

  15. […] história, “As Irmãzinhas de Eluria” de Stephen King, incluída no livro Boleia Arriscada (“Everything’s Eventual”, no original), […]

  16. […] Doutor Sonho de Stephen King […]

  17. […] livro de contos, “Boleia Arriscada”, é o primeiro livro de contos que estou a ler de Stephen King. O livro foi originalmente publicado em 2002 com o título de “Everything Is eventual: 14 […]

  18. […] Stephen King, Os Olhos do Dragão // título original: The Eyes of the Dragon // tradução: Lídia Geer // editor: Círculo de Leitores, Dez. 2000 // isbn: 972-42-2391-4 […]

  19. […] Gostei.Stephen King não desilude numa história cheia de voltas e reviravoltas.Viagens no tempo, futuros alternativos, amor, paixão (em exagero) episódios de violência macabra (poucos) – tudo, quase, na medida certa. […]

  20. […] história mirabolante, delirante de Stephen King. Autor que nos consegue convencer que o sobrenatural […]

  21. […] esta história de terror psicológico. Uma obra de grande qualidade de Stephen King; aqui no seu […]

  22. […] livro muito divertido de Stephen King. Não […]

  23. […] direi que é, como está escrito na capa do livro “Um dos melhores que King alguma vez escreveu”. Não tem horror nem terror. É um livro […]

  24. […] Stephen King merece um excelente. […]

  25. […] Institute” de Stephen King venceu todas as provas. É uma história assustadora (assistimos ao verdadeiro mal); comovente e […]

  26. […] novela de Stephen King assenta numa premissa paradoxalmente tão absurda que narrada por Stephen King funciona muito […]

  27. […] hoje a leitura de “IT – A Coisa” de Stephen King editado em Portugal pela Bertrand em dois volumes num total de 1272 páginas de personagens […]

  28. […] a leitura da sequela The Shining. Stephen King no seu […]

  29. […] algumas adaptações para a nona arte de histórias de Stephen King são logo nos primeiros minutos uma vergonha, com esta série isso não acontece, […]

deixar uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

© 1999.2020 porta VIII. todos os direitos reservados. alimentado pelo wordpress | alojamento por oitava esfera
beam me up, scotty!
%d bloggers like this: