Fosse qual fosse o problema africano de que alguém se lembrasse, haveria certamente uma ONG a tratar dele, o que não significava que se estivesse a produzir uma solução. As ONG públicas e privadas pareciam transformar os problemas africanos em situações permanentes, ainda maiores e mais difíceis de resolver
Viagem Por África de Paul Theroux (pág. 87)
0 respostas

deixar uma resposta

deseja juntar-se à discussão?
esteja à vontade para contribuir!

deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.