falcó de arturo pérez-reverte

19 Jan
19.01.2020

Em 1936, no início da Guerra Civil Espanhola, Lorenzo Falcó move-se por entre as sombras do submundo. Ex-contrabandista de armas, espião sem escrúpulos, encontra-se agora a trabalhar para os serviços de inteligência franquistas. A sua missão? Libertar um detido da prisão. Tem Eva Rengel e os irmãos Montero como companheiros. (E, quem sabe, vítimas? Pois os tempos são traiçoeiros, e nada é o que parece.)

Bertrand

Na guerra não há heróis. Apenas os que morrem e os que conseguem sobreviver e muita, mas muita insanidade.

Adorei.

etiquetas: , , , , , , , ,
1 resposta

trackbacks & pingbacks

  1. […] Falcó de Arturo Pérez-Reverte (já tinha o livro Eva) […]

deixar uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

© 1999.2020 porta VIII. todos os direitos reservados. alimentado pelo wordpress | alojamento por oitava esfera
beam me up, scotty!
%d bloggers like this: