novas medidas: covid-19

  1. Cemitérios encerrados: mortos proibidos de sair à rua.
  2. Sapatarias encerradas: andar descalço é saudável; fortalece a saúde e o carácter.

Desta forma o Novo Banco pode, uma vez mais, sair do confinamento.

1.0 .2 – capitaliste

A escolha dos dois pets recaiu na Gold-Orange Rocket Chicken – a escolha mais fácil, mas para os ter tive de fazer muito. Além de subir reputação com as facções de Battle for Azeroth foi necessário finalizar as quests para abrir Mechagon e o pior, ainda, ter de farmar um pet que só aparece quando o visitante Oglethorpe Obnoticus está em Rustbolt, que, também, é super rápido e cuja morte faz aparecer um raro raro; ou seja, não bastava, stunt, stunt, tame, mas ainda ter sorte para o pet não ser morto. Xiça penico.

Já tenho os dois. Ufa!

1.0 .1 – raplapla

Muito mais fácil a escolha destes pets… para o desafio. A escolha caiu sobre o raro Morashu um Black Elderhorn.

a guerra dos reinos: crônicas de guerra, vol. 03 de 03

Por seu turno, o terceiro e último volume de A Guerra dos Reinos: Crônicas de Guerra conclui The War of the Realms: The War Scrolls e Gian-Man, apresentando ainda os 3 números de The War of the Realms: Spider-Man and the League of Realms. A nível de argumento, contamos com trabalhos assinados por Aaron, Sean Ryan, Christopher Cantwell, Charlie Jane Anders e Leah Williams. Quantos aos desenhos, estão a cargo de Andrea Sorrentino, Nico Leon, Cian Tormey, Simone D’armini e Marco Castiello.

Bandas Desenhadas

Li isto antes da revista Thor #3, mas mesmo assim foi uma leitura divertida. A ver se a minha opinião sobre as crossovers muda.


As minhas leituras do crossover A Guerra dos Reinos (The War of the Realms):

fragmento.000483

ERA O INÍCIO DA ERA DAS REVOLUÇÕES, era o início da era das exagerações
O Amante do Vulcão de Susan Sontag (página 198)

fragmento.000482

Trinta anos mais tarde, na sua Viagem em Itália, Goether haverá de escrever que passou horas deliciosas no serão do Cavaliere
O Amante do Vulcão de Susan Sontag (página 181)

Adoro quando os livros que leio se cruzam e entrecruzam.

a guerra dos reinos, vol. 03 de 03

O terceiro e último volume de A Guerra dos Reinos finaliza a série principal, bem como algumas paralelas. The War of The Realms conta com argumento de Jason Aaron e desenhos de Russell Dauterman. Quanto a The War of the Realms: Journey into Mistery tem argumento dos McElroys (leia-se Clint, Griffin, Justin e Trevis McElroy) e desenhos do português André Lima Araújo. Por fim, Dennis Hallum com Kim Jacinto e Ario Anindito são os autores de The War of The Realms Strikeforce: The War Avengers.

Adorei este crossover. Este volume tem bons momentos. Acção e humor.


As minhas leituras do crossover A Guerra dos Reinos (The War of the Realms):

cara – 0074

Uma cara e corpo cheios de penugem.

livros na palete – posição 002.2021

  • Demolidor, vol. 01 (3.ª série), compila os números da actual série do Demolidor nos EUA
  • Fabulosos X-Men, vol. 03 de 04 (prossegue a publicação da totalidade das 22 revistas da 5.ª série norte-americana de Uncanny X-Men.)
  • A Guerra dos Reinos, vol. 03 de 03 (último volume – finaliza a série principal, bem como algumas paralelas.)
  • A Guerra dos Reinos: Crônicas de Guerra, vol. 03 de 03 – conclui The War of the Realms: The War Scrolls e Gian-Man, apresentando ainda os 3 números de The War of the Realms: Spider-Man and the League of Realms.
  • Thor, vol 03 de 04 – continua a compilar a quinta série norte-americana de Thor. (informação obtida no site Bandas Desenhadas)

rio, vol. 3: carnaval selvagem de louise garcia e corentin rouge

Rio de Janeiro – Uma cidade onde a vida é uma luta!
O Carnaval está cada vez mais próximo e o Rio e as suas favelas estão em completa ebulição. Quanto a Rúben, vai recuperando com dificuldade da morte da sua irmã, enquanto gere a ONG do seu pai adoptivo, distribuindo víveres e medicamentos aos mais desfavorecidos. É nesse contexto, porém, que descobre que, no seu meio, a fronteira entre política, ajuda humanitária e criminalidade é por vezes muito ténue. Os seus amigos de infância transformaram-se em traficantes e o próprio director da escola com que ele colabora está ligado a Mozar, o líder do gangue local. À medida que se vai fazendo luz sobre os assassinatos da sua mãe e da sua irmã, Rúben enterra-se cada vez mais na obscuridade…

Bandas Desenhadas

Nesta álbum a qualidade mantem-se. História crua, demoníaca, sangrenta – apaixonante!

Tradução: Sara Moreira