14 Fev
14.02.2019 Porque envelhecer é, diz Fran resolutamente a si própria enquanto carrega no botão do elevador para descer para o pequeno-almoço, uma viagem fascinante em direção ao desconhecido.
Sobe a Maré Negra de Margaret Drabble (página 31)

no interior: “sobe a maré negra”

14 Fev
14.02.2019

Arte no interior do livro “Sobe Maré Negra” de Margaret Drabble editado pela Quetzal.

o legado de júpiter – livro 2: revolta de mark millar e frank quitely

13 Fev
13.02.2019

Aqui está uma história excelente em dois volumes – apenas.

Assim vale a pena. Parabéns!

eva

12 Fev
12.02.2019

Aqui está o segundo livro da série Falcó.

no interior: “o tango”

12 Fev
12.02.2019

Arte no interior do livro O Tango – Quatro Conferências de Jorge Luís Borges publicado pela Quetzal Editores.

A imagem da capa do livro faz parte do arquivo pessoal da dançarina de tango, María Nieves Rego.

12 Fev
12.02.2019 ─ Rosabianca, afinal não tens os cabelos verdes!
─ Verdes?
─ Sim. Eu pensava… Pelo menos não podia pensar que não fossem verdes… E que não tivesses sido salva por mim do fogo!
─ Do fogo?
─ Sim. Porque te admiras? Do fogo. E nunca foste enfermeira.
─ Enfermeira?
Encostados a um grade, viam quase sem ver Florença lá em baixo.
─ Porque perguntas? Não posso gostar de ti, Rosabianca! Pensei que tinhas os cabelos verdes e que te salvava do fogo… Mas nada disso sucedeu.
Rosabianca apertou-lhe o braço com força.
─ Giovanni! Se queres, pinto de verde os cabelos, subo para um quarto andar e deito-lhe fogo. Salvas-me?
─ E fico ferido? Serás a minha enfermeira?
─ Sim, se quiseres serei a tua enfermeira.
─ Está bem, Rosabianca. Sobe lá para o telhado que eu vou deitar fogo à casa.
A Cidade das Flores de Augusto Abelaira (página 159)

a canção de kali de dan simmons

12 Fev
12.02.2019

Robert Luczak, jornalista e editor, é enviado a Calcutá para recuperar um manuscrito de uma raridade incalculável. O seu autor é um obscuro poeta indiano que morreu há quase dez anos. O manuscrito, no entanto, é mais recente, e estranhos rumores dizem que o autor ressuscitou para escrever essa obra. Aconselhado por um amigo a não aceitar a missão, Robert ignora o aviso e até leva a mulher e a filha recém-nascida. Uma decisão que o irá atormentar para o resto da vida. Calcutá é um lugar selvagem, agressivo, imundo e infinitamente estranho. Logo que chega Robert é arrastado para as entranhas da cidade e descobre que não é o único a perseguir o valioso manuscrito. O Culto de Kali – uma temível seita que conspira para invocar a Deusa da Morte e libertá-la sobre a Terra – está disposto a tudo para o encontrar: sangue, morte e até sacrifícios humanos.

Saída de Emergência

Excelente leitura. Uma história misteriosa, intensa, assombrosa, evocativa, potente, triste, heróica – ufa!

A Canção de Kali não é um livro para um leitor preguiçoso. É um livro que nos instiga a reflectir sobre o que nos torna (des)humanos.

Dan Simmons descreve a dor e o terror com uma tal precisão que se torna difícil absorver tudo de rajada – “violência é poder”.

História sombria e credível que nos irá assombrar durante muito tempo.

lucky luke e o fio que canta

11 Fev
11.02.2019

Outra releitura – divertida.

vingança perfeita

10 Fev
10.02.2019

Vingança Perfeita (2019), Cold Pursuit, (título original), é um filme de vinganças. Temos muitas mortes e mal entendidos que levam a outras tantas mortes e a mais alguns mal entendidos. Tudo é servido “friamente” e com comédia quanto basta.

Eu ralizei um filme sobre a futilidade da vingança. Ele goza com todos os estereótipos de gângster, com todos os outros tipos de estereótipos que possam imaginar. É um conto preventivo sobre vingança, e eu gostaria que as pessoas o vissem por isso.

Hans Petter Moland

Um filme que relaxa e diverte. Comédia bem negra e acção – diversão!

cara – 018

08 Fev
08.02.2019

Ah! Mais uma – brutal!

© 1999.2019 porta VIII. todos os direitos reservados. alimentado pelo wordpress | alojamento por oitava esfera