Tag Archive for: homem-aranha

homem-aranha, série ii n.º5/14 (identidade osborn)

23 Abr
23.04.2018

Desta segunda série este foi o primeiro número que realmente gostei de ler.
Identidade Osborn (argumento de Dan Slott, arte de Stuart Immonen, cores de Marte Gracia) promete ser o meu tipo de história. A juntar a isto temos o Otto Superior (argumento de Dan Slott, arte de Giuseppe Camuncoli, cores de Jason Keith) que pode revelar-se interessante.

E quanto ao Velho Logan – sem dúvida excelente!

homem-aranha | os vingadores

12 Mar
12.03.2018

Estas novas aventuras do Homem-Aranha não têm sido do meu agrado. Ainda arrisquei a compra de um terceiro álbum, mas…

Quanto aos Os Vingadores fico-me pelo número 1 da segunda série.

O que tenho lido fora da Marvel e DC tem sido mais recompensador.

não sei se avanço

11 Jan
11.01.2018

A série I do Homem-Aranha não me convenceu. Um Peter Parker mundial; um Homem-Aranha cheio de brinquedos tecnológicos foi uma surpresa (não apreciada).
Comprei os primeiros números da série II de:

  • Homem-Aranha
  • Os Vingadores

e o primeiro da série I

  • X-Men

e não fiquei impressionado, apesar de estar a adorar o Velho Logan. Talvez o único motivo para continuar a comprar a revista X-Men

E como vão ser editadas duas mini-séries:

  • Thanos
  • Pantera Negra

talvez fique mesmo por aqui.

homem-aranha vol. 9: amigos para sempre

03 Dez
3.12.2017

Este volume começou por oferecer uma história DIVERTIDA, depois DiVeRTiDa, no final, foi apenas divertida.

Só decidi comprar a colecção Homem-Aranha e não Vingadores e agora o final da história iniciada em Homem-Aranha vol. 8 termina na revista Vingadores! Mais um motivo para odiar crossovers. Será que devo adquirir a colecção de Vingadores? ou?

coisas de outubro, 2017

01 Nov
1.11.2017

As leituras e não leituras de alguns fins-de-semana e não só.

Um pouco de banda desenhada:

  • Reféns do Ultralum de Pierre Christin e Jean-Claude Mézières
  • O Órfão dos Astros de Pierre Christin e Jean-Claude Mézières
  • Tempos Incertos de Pierre Christin e Jean-Claude Mézières
  • Nas Imediações do Grande Nada de Pierre Christin e Jean-Claude Mézières
  • Tokyo Ghoul #9 Sui Ishida
  • A Ordem das Pedras de  Pierre Christin e Jean-Claude Mézières
  • O AbreTempo de Pierre Christin e Jean-Claude Mézières
  • Polina de Bastien Vivès
  • Recordações de Futuros de Pierre Christin e Jean-Claude Mézières
  • Histórias do Bairro de Gabi Beltrán e Bartolomé Seguí
  • Homem-Aranha vol. 6: Guerra Civil II – uma autêntica seca; desiludido nos dois últimos volumes
  • Platinum End #1 de Tsugumi Ohba e Takeshi Obata
  • Tempos Amargos de Étienne Schreder
  • Y: O Último Homem vol.1 de Brian K. Vaughan e Pia Guerra
  • Homem-Aranha vol. 7: A União Faz a Força / Guerra Civil II – mais divertido.
  • Marvel Especial vol. 1: Deadpool – valeu a pena. boa leitura
  • Os Trilhos do Acaso 1 de Paco Roca
  • Os Trilhos do Acaso 2 de Paco Roca
  • Monstress vol. 1: Despertar de Marjorie Liu e Sana Takeda

Um pouco de outras coisas mais:

  • 4 3 2 1 de Paul Auster
  • O Passado é um País Estrangeiro de Ali Smith – (comprei este livro entusiasmado pelo tema: “Era uma vez um homem que, certa noite, durante um jantar social, entre o prato principal e o doce, subiu as escadas e fechou-se num dos quartos da casa. À medida que as horas se transformam em dias, e os dias, em meses, as consequências deste estranho ato repercutem-se para o exterior, afectando os donos da casa, os outros convidados, a vizinhança e todo o país.”) Lamentavelmente não me deu pica. Deve ser aquela altura do mês em que se complica qualquer leitura. Coloquei o livro de lado e iniciei novos voos, noutras páginas.
  • O Reino Mais Além das Ondas de Stephen Hunt – outro livro que coloco de lado, arrumado. À espera de novos apetites.
  • Human Maps de Andrew Hook

homem-aranha vol. 5: entre a terra e o céu

29 Set
29.09.2017

Homem-Aranha vol. 5: Entre a Terra e o Céu foi a história mais sem sentido que me recordo de ler. Odiei o argumento. Palavras e mais palavras que se perdem. Não sei se o problema foi meu ou do tempo.

Grande desilusão.

homem-aranha: regresso às origens

05 Mar
5.03.2017

Homem-Aranha: Regresso às Origens de J. Michael Straczynski e John Romita, Jr. é um volume que se lê muito bem.

É uma história perfeita.

mulher invisível, novo uniforme: uma versão

09 Jul
9.07.2010

Demorei algum tempo a perceber o motivo de ter separado esta revista (Homem-Aranha, n.º 21, editado pela editora Abril/ControlJornal, 1996) que fazia, até hoje, parte do “monte” que persiste na secretária.
Após analisar todas as vinhetas deduzo que só pode ter sido pelo uniforme – pronto estou na onda dos uniformes! – da Susan Storm o alter ego da Rapariga Invisível ou agora como é chamada The Invisible Woman (Mulher Invisível).
É um uniforme avassalador que Susan Storm veste – realmente radical para uma mãe e mulher casada e que em muitos ciclos sociais é considerado potencialmente bastante arrojado e até ofensivo; mas quem sou eu.

A história de onde retirei a imagem em português foi originalmente publicada na revista Fantastic Four (1993) n.º 374. As outras duas imagens:
# lado esquerdo igualmente da Fantastic Four #374 (versão inglesa).
# lado inferior direito, ainda não sei.

fantastic

sue storm por frank cho, uma outra versão

Destaco o símbolo quatro destacado exibido no decote.

A personagem e as imagens publicadas são propriedade da Marvel Comics.
© 1999.2018 porta VIII. todos os direitos reservados. alimentado pelo wordpress | alojamento por oitava esfera