Artigos

cara – 0068

Alongadaaaaaaaaaaaaaaaaa mente!

livros na palete – posição 045

Algumas coisas interessantes – dois livros de não-ficção (autores novos) e ficção de autores conhecidos:

  • Segunda Fundação de Isaac Asimov
  • Ficções de Jorge Luís Borges
  • Pedro Álvares Cabral de José Manuel Garcia
  • O Terrível Terramoto da Cidade Que Foi Lisboa de Arnaldo Pinto Cardoso
  • Os Peixes Também Sabem Cantar de Halldór Laxness

são cheiros

Desde que se recorda o cheiro das fezes incomoda-o. Foi tentando reduzir os odores nauseabundos experimentando mudanças alimentares. Apenas frutas, aqui apenas laranjas, maças, bananas, etc… e depois combinações de várias frutas; apenas insectos, combinações de insectos, insectos com frutas, com carne, com peixe, marisco, vegetais; apenas lacticínios, águas, vinhos, licores. Imaginem todas as variantes possíveis e imaginárias de comida e de qualquer coisa remotamente comestível. Nada resultou, os dejectos mudavam a consistência, mas o odor continuava a ser asqueroso.

Até que a solução lhe surgiu tão cristalina como o gelo. Desde que eliminou os receptores no nariz responsáveis pelo olfacto nunca mais teve problemas. Agora o mundo tem o cheiro ideal.

o que menos me preocupou foi a cor do sangue dela

O que menos me preocupou foi a cor do sangue dela: vermelho como todos. O problema que se me colocava era como retirar o corpo do apartamento sem ninguém descobrir. Não sendo canibal, comê-la estava fora de questão. A solução estava em fazê-la desaparecer sem sair do apartamento. Através de ácidos na banheira – vulgar. Sentei-me e olhei para o peixe vermelho que dentro da bola de vidro gozava comigo. E nesta altura a solução surgiu com mais naturalidade do que uma erecção. Um aquário de 150cm é uma decoração sempre elegante e ainda mais se estiver habitado por certos peixes.


Uma história com exactamente 101 palavras.

de lado – 0038

Não acredito que existência de gordura saturada seja uma teoria da conspiração.
Acredito que os peixes aproveitam a chuva para tomar banho.

de lado – 0034

He liked to fish pigs with a harpoon and hunting whales with a chainsaw.

de lado – 0029

Comer pescada cozida com brócolos é uma explosão de sabores apenas comparada à adrenalina de ver curling às 5 da manhã.

lol, camouflage 6.1 – by books

lol in typical Next Thursday fashion has navigated through books never before navigated. He has left the three-dimensional space and entered the multidimensional space. He is looking for the perfect book for his hideaway. So, he jumps from book to book like a grasshopper – free of responsibilities, of deadlines to meet. His current motto could almost be “Pack your knapsack and go.” After so much jumping and running through amazing, minimalist and tragic books, of dense, light and dour writing, he opts, for his lair, for an illustrated book filled with people sitting on roofs, peering from windows and doors, descending and ascending stairs, dressed in blue, green, brown, yellow or striped, traveling on a train, ship or submarine; with strange and normal objects; with real bears and teddy bears; with fish and dinosaurs, horses, cows and even robots. In that crowd, that mosaic of confusion, lol realizes, finally, that he will be camouflaged. Then we hear him say ‘let me through’ while bypassing a green tank driven by a yellow fish; ‘do not push’ as he crosses paths with a blue group of soldiers; ‘do not fall’ as he faces Humpty Dumpty, who is on top of a wall made of books. Then we see him getting more than annoyed when he observes that the house made of cards is occupied by an astronaut, a skier, a conductor, a matrioska. lol throws his arms up high and grumbles loudly ‘SERIOUSLY! EVEN A MATRIOSKA?’

[… an excerpt …]

aquário, nova versão

Há algum tempo que deixei de ser uma pessoa que complique muito na montagem de um aquário. Além de se tornar potencialmente dispendioso, acaba, sempre, por ser uma desilusão. Tenho por isso optado por um visual muito mais “minimalista”.

ainda com um betta

Abandonei, por isso, o típico aquário comunitário com Barbo Tigres, Néons, Tetras, Guppies, Betta splendens (colocava sempre um, com um adequado esconderijo), Corydoras, Gouramis – despesa enorme, porque quando ocorre uma doença temos uma razia nos peixes assustadora.

Desisti, também, de um aquário plantado por exigir muito tempo, uma exagerada, mas necessária, manutenção. A escolha caiu sobre um aquário com poucos peixes, mas que são considerados robustos, e que com o tempo aumentam de tamanho, o que embelezará muito o aquário.

A escolha foi para:
1 Óscar Preto-Laranja
1 Óscar Laranja
1 Jack Dempsey
2 Plecostomus (a acrescentar mais tarde)

óscar

Para obter uma filtragem natural coloquei lentilhas aquáticas e acrescentei para limpeza cinco caracóis.

lentilhas

Estou satisfeito com o resultado final.

novo aquário

Nesta nova montagem optei apenas por ciclídeos.
Coloquei, igualmente, lentilhas para ajudar a obter um melhor equilíbrio no aquário.

lentilhas

lentilhas

Seguindo um dica encontrada na Internet criei um espaço livre de lentilhas para conseguir fazer intervenções sem elas virem coladas.

lentilhas

lentilhas

Brevemente as lentilhas ocuparam a totalidade exterior do circulo de protecção.

Finalmente este óscar saiu do casulo para uma fotografia.

óscar

óscar