sons of man, scat

Outra antiga, recuperada, versão de uma manipulação da pintura Sons of Man.

thoughts, versão 2.0

A group of people crossed his path, and he didn’t like them.
A man crossed his path, and he didn’t like him.
A woman crossed his path, and he didn’t like her
Faced with his own reflection in a window, he did not like the hate he saw in himself.


Na tentativa de obter uma história com apenas 50 palavras a partir de um texto de 2017 – thoughts – o resultado não foi o melhor. E só deu para perceber isso quando o texto foi rejeitado.

de rosca!

Há dias em que seria tão bom, mas mesmo bom, ser possível trocar de cabeça.

as tentações de santo antão

As Tentações de Santo Antão é um tríptico do pintor holandês Hieronymus Bosch que terá sido pintado entre 1495 e 1500. Está em exposição em Lisboa no Museu Nacional de Arte Antiga, a partir do antigo palácio real das Necessidades.

Wikipédia

Esta pintura serviu e bem de inspiração à capa do livro Ficções de Jorge Luis Borges editado pela Quetzal.

uma oferta para o palato

Ontem foi-me oferecido duas saquetas de um chá que ainda não tinha provado.

Chegado a casa, pimba; primeira experiência na minha caneca de chá habitual. Fica no palato o sabor a canela e a gengibre, mas o picante da pimenta preta apenas se sente suavemente. Conclusão: água em demasia.

Hoje experimentei no local de trabalho num copo mais pequeno e agora sim o picante da pimenta preta, combinado com a canela e o gengibre é sentido na perfeição.

Às vezes sou uma pessoa de experiências.

louvor do livro de josé tolentino mendonça

Excelente.

Ler e reflectir neste texto de José Tolentino Mendonça – “Louvor do Livro”. Discurso proferido na entrega do Prémio Europeu Helena Vaz da Silva.

Revista Ler – Primavera/Outono 2020 – n.º 157

fahrenheit 451 de ray bradbury

Já não me recordava o quanto este livro, Fahrenheit 451, é poderoso – assustador; presciente.

Continua a ser uma leitura revigorante e obrigatória.

Tradução: Casimiro da Piedade

o imortal hulk, vol 1

Brilhante. Delicioso.

Depois de uma longa paragem o recomeço das leituras de revistas da Marvel não tem desapontado.

os espelhos

Os espelhos reflectem a nossa imagem que parece encontrar-se atrás do espelho. E, talvez, por isso os espelhos têm um misticismo que é perpetuado em histórias.

A história mais conhecida é certamente a do livro Alice do Outro Lado do Espelho de Lewis Carroll.

O mesmo objecto é utilizado nas aventuras de Harry Potter. 

Outro exemplo, mais visual, é o do filme Constantine.

constantine

E, hoje, falo disto por causa do jogo World of Warcraft (Shadowlands) e também pela leitura da revista Hulk #1 – ambos usam o espelho como alavanca na história.

world of warcraft
hulk #1